Brasil larga bem e vence dois jogos na etapa final, na Argentina

Publicado em: 12/05/2017 18:40

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 12.05.2017

O Brasil começou com duas grandes apresentações a última etapa do Circuito Sul-Americano 2017, disputada na cidade de Resistência, na Argentina. Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) superaram duplas do Paraguai e da Venezuela nesta sexta-feira (12.05), sem terem perdido nenhum set e com a liderança do grupo. Elas buscam o título geral da temporada.

No naipe masculino, encerrado na última semana, o país garantiu o título geral com medalha de ouro de Álvaro e Saymon em Maringá (PR).

Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) começaram o dia vencendo as paraguaias Erika e Gabriela Fillipo por 2 sets a 0 (21/14, 21/16). Horas mais tarde, novo triunfo contra uma dupla experiente. As venezuelanas Gabi e Agudo não resistiram ao bom volume das brasileiras e foram superadas por 2 sets a 0 (21/18, 21/16), liderando a chave.

A parceria verde e amarela, vice-campeã da etapa de Vitória (ES) do Circuito Brasileiro, volta à quadra neste sábado (13.05), pelo complemento da fase de grupos. Elas encaram as uruguaias Fortunati e Hernandez e uma vitória garante vaga antecipada à semifinal do torneio. Caso não terminem em primeiro, elas disputam uma etapa de repescagem.

As semifinais e finais da etapa ocorrem no domingo (14.05). A etapa ‘Finals’ na Argentina conta apenas com os oito melhores países do ranking Sul-Americano. Além das brasileiras, Argentina, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela estão representados.

O Brasil lidera o ranking da temporada com 700 pontos, enquanto a Argentina e o Paraguai seguem logo atrás, empatados com 600. Se Ana Patrícia e Rebecca conseguirem classificação às semifinais, já garantem o título geral ao Brasil.

O ranking do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada. Cada dupla pode disputar no máximo duas etapas, garantindo que mais times tenham oportunidade de somar pontos e adquirir experiência.

Os critérios usados pela CBV na convocação são a posição do ranking de entradas do Circuito Brasileiro (a dupla inscrita com melhor colocação) e uma dupla Sub-23 escolhida por critérios técnicos pela entidade, visando dar oportunidade e experiência para jovens atletas. Na etapa ‘Finals’ da Argentina, porém, apenas uma dupla de cada país pode ser inscrita.

BRASIL NO CIRCUITO SUL-AMERICANO 2017

1ª Etapa -Coquimbo (CHI)
Ana Patrícia/Rebecca - ouro
Jô/Vitor Felipe - ouro
Tainá/Victoria - prata
Arthur Lanci/George - bronze 

2ª Etapa -Ancon (PER)
Lili/Josi - ouro
Oscar/Hevaldo - bronze

3ª Etapa -Rosário (ARG)
Oscar/Hevaldo - ouro
Val/Ângela - bronze

5ª Etapa - Maringá (BRA*)
Álvaro e Saymon - ouro

*Disputada apenas no naipe masculino

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro