Alison/Bruno Schmidt e Álvaro/Saymon levantam torcida e avançam às quartas

Publicado em: 19/05/2017 22:25

No Rio de Janeiro (RJ) - 19.05.2017

Os atuais campeões olímpicos e os atuais campeões brasileiros são os representantes brasileiros que seguem na briga pelo ouro da etapa do Rio de Janeiro do Circuito Mundial 2017. Alison/Bruno Schmidt (ES/DF) e Álvaro Filho/Saymon (PB/MS) venceram seus jogos das oitavas de final nesta sexta-feira (19.05), na arena de tênis do Parque Olímpico.

Os adversários das quartas de Alison e Bruno serão os norte-americanos Gibb e Crabb, às 12h (de Brasília) enquanto Alvinho e Saymon duelam contra os italianos Nicolai e Lupo, vice-campeões olímpicos na Rio 2016, às 14h. Os jogos serão transmitidos ao vivo no Facebook da CBV.

Alison e Bruno Schmidt (ES/DF) conquistaram a classificação ao venceram os poloneses Kacper Kujawiak e Mariusz Prudel por 2 sets a 0 (21/11, 21/18), em 33 minutos de jogo. Alison projetou o confronto das quartas de final, contra uma dupla recém-formada.

"Os norte-americanos têm um time novo. O Gibb é experiente, mas vamos jogar pela primeira vez contra o Crabb, que é bem jovem. Já fomos jovens também, a gente se vê nele e sabe que virá com muita vontade de vencer. É um país com tradição, que sabe jogar".

Bruno Schmidt comentou a necessidade de entrar completamente concentrado, já que, por ter feito melhor campanha, só atuou pelas oitavas de final.

"Ficamos o dia todo no hotel, eles estavam aquecidos de dois jogos anteriores, mas conseguimos impor o nosso ritmo. Contra os EUA, será um jogo pegado, que, com certeza, vai exigir bastante da gente", declarou o atual melhor do mundo.

Álvaro Filho e Saymon (PB/MS) tiveram um duelo caseiro na disputa pela vaga nas quartas de final. Eles superaram os compatriotas Evandro e André Stein (RJ/ES), que vieram da repescagem, por 2 sets a 0 (21/18, 21/18), em 39 minutos de duração, nas oitavas.

"Eles são uma grande equipe, nos encontramos em torneios, inclusive na final do Major Series de Fort Lauderdale. A gente estava em um momento difícil, os saques de Evandro e André estavam todos entrando no segundo set. Foi uma virada espetacular, eles estavam dois pontos na frente. Quando você vibra, bota para fora a ansiedade, toda aquela energia", disse Alvinho.

Outras três equipes acabaram dando adeus ao torneio. Oscar e Hevaldo (RJ/CE) ficaram na repescagem ao serem superados por 2 sets a 0 por Doherty e Hyden. Os norte-americanos também foram algozes de Pedro Solberg e Guto (RJ), em uma batalha decidida apenas no tie-break. Já Evandro e André caíram para os compatriotas nas oitavas.

Esta é a 18ª vez que o Rio de Janeiro sedia uma etapa do Circuito Mundial, tendo sido palco de algum evento nos últimos três anos seguidos. O Brasil, maior vencedor da modalidade, nunca ficou de fora do tour desde sua criação, em 1987. A premiação total do evento 4 estrelas que acontece nesta semana é de 300 mil dólares.

VEJA TODOS OS RESULTADOS DO DIA
http://worldtour.2017.fivb.com/en/mrio2017/men/results/maindraw

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO DIA
http://2017.cbv.com.br/midia/galeria-de-imagens/item/28255-rio-de-janeiro-rj---19.05.2017---circuito-mundial---dia-04.html

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro