Duplas masculinas do Brasil se despedem do torneio em Haia

Publicado em: 17/06/2017 11:41

As quatro duplas brasileiras no torneio masculino da etapa holandesa do Circuito Mundial, em Haia, se despediram da competição neste sábado (17.06). Apesar de lutarem muito e realizarem jogos parelhos, as equipes do Brasil foram superadas em seus respectivos confrontos.

André/Evandro (ES/RJ), George/Vítor Felipe (PB) e Álvaro Filho/Saymon (PB/MS) caíram nas oitavas. Pedro Solberg e Guto (RJ) ainda alcançaram as quartas de final, mas também não lograram avançar mais no campeonato.

Os primeiros a entrarem em ação foram os paraibanos George e Vítor Felipe. Eles sofreram o revés para os experientes espanhóis Herrera e Gavira por 2 sets a 0 (31/33 e 16/21). Em seguida, André e Evandro (ES/RJ) não conseguiram superar os canadenses Pedlow e Schachter, que levaram a vitória por 2 sets a 0 (19/21 e 16/21).

Os maiores carrascos dos brasileiros no terceiro dia de competição da chave principal foram os suíços Beeler e Krattinger, que eliminaram Álvaro Filho e Saymon (PB/MS) nas oitavas com o placar de 2x1 (25/27, 23/21 e 15/10). E, nas quartas, passaram por Pedro Solberg e Guto (RJ) novamente em uma partida decidida no terceiro set (16/21, 21/14 e 11/15). A dupla carioca tinha vencido, na rodada anterior, os austríacos Winter e Seidl por 2 sets a 0 (21/19 e 21/19).

Esta é a nona etapa da temporada 2017 do Circuito Mundial, sendo a quarta na categoria três estrelas, que distribui 150 mil dólares em prêmios aos atletas. Neste ano os eventos são elencados de uma a cinco estrelas, de acordo com a importância, pontuação e premiação.

Nos sete torneios realizados em Haia, todos com competição nos dois naipes, o Brasil conquistou nove ouros (três com os homens e seis com as mulheres).

O Brasil soma nove medalhas em quatro etapas disputadas no tour (veja a lista abaixo) e lidera o ranking feminino: Ágatha/Duda e Larissa/Talita somam 2.120 pontos, com Fernanda/Bárbara Seixas em terceiro, com 1.600 pontos. No naipe masculino, Álvaro Filho e Saymon são os vice-líderes, com 1.700 pontos, 80 a menos que os russos Liamin/Krasilnikov.

 

BRASIL NO CIRCUITO MUNDIAL 2017

Etapa Fort Lauderdale (EUA) - 5 estrelas
Álvaro Filho/Saymon - ouro
Larissa/Talita - ouro
Evandro/André Stein - prata
Ágatha/Duda - prata

Etapa Xiamen (China) - 3 estrelas
Fernanda Berti/Bárbara Seixas - ouro

Etapa Rio de Janeiro (Brasil) - 4 estrelas
Alison/Bruno Schmidt - ouro
Ágatha/Duda - ouro

Etapa Moscou (Rússia) - 3 estrelas
Larissa/Talita - ouro
Ágatha/Duda - bronze

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro