Brasil fica com a prata em etapa do classificatório Sul-Americano no Chile

Publicado em: 27/08/2017 19:38

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 27.08.2017

O Brasil terminou sua participação na terceira etapa do classificatório Sul-Americano aos Jogos Olímpicos da Juventude com uma prata no naipe feminino e um quinto lugar entre os homens. Os jogos foram realizados em Santiago, no Chile, na tarde deste domingo (27.08). Os cinco países mais bem colocados ao final da eliminatória garantem vaga ao torneio olímpico para atletas de 15 a 18 anos, que ocorre em outubro de 2018, na Argentina.

Na final do naipe feminino, Maria Luiza/Thamela (MG/ES) acabaram superadas pelas venezuelanas Diana e Uri por 2 sets a 0 (21/16, 21/15). Com o resultado, Brasil e Venezuela aparecem empatados com 540 pontos na liderança do ranking geral após a realização de três etapas. A medalha de bronze da etapa ficou com as argentinas Victoria e Churin, que superaram as bolivianas Canedo e Nicole por 2 sets a 1 (21/13, 17/21, 13/15).

Entre os homens, os brasileiros João Pedro/Lucas Sampaio (PR/RJ) acabaram eliminados nas quartas de final do torneio, terminando a competição na quinta colocação. Eles foram superados pelos paraguaios Gonza e Jorge por 2 sets a 0 (21/19, 21/10). O Brasil aparece em quarto lugar, com 480 pontos. Argentina lidera com 540.

Nas primeiras duas etapas o Brasil somou um terceiro lugar e um ouro no naipe feminino, e duas pratas no naipe masculino. As cinco melhores seleções do ranking final conquistam vaga para os Jogos Olímpicos da Juventude. As próximas etapas ainda serão confirmadas com data e local pela Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV), organizadora das eliminatórias.

A terceira edição dos Jogos da Juventude ocorre em outubro de 2018, pela primeira vez fora da Ásia (China e Singapura receberam as primeiras edições). O Brasil é o atual campeão no vôlei de praia feminino, com Duda/Ana Patrícia. O vôlei de praia é uma das modalidades no programa que reúne milhares de atletas entre 15 e 18 anos.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro