Vôlei de Praia - Confederação Brasileira de Vôlei 

Vitória 200 de Duda e bom começo de cearenses agitam primeiro dia do feminino

Publicado em: 26/01/2018 18:42

As oitavas de final do torneio feminino da etapa de Fortaleza (CE) foram definidas nesta sexta-feira (26.01), pela quarta etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia 2017/2018. O dia marcou a vitória número 200 da sergipana Duda e bom desempenho das atletas cearenses jogando com o apoio da torcida, que encheu a arena montada no Aterro da Praia de Iracema.

As oitavas de final (veja todos os cruzamentos no pé da matéria), quartas e semifinais do naipe feminino acontecem neste sábado (27.01), a partir das 10h (de Brasília), com transmissão dos jogos da quadra central no Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). As disputas de medalha ocorrem no domingo (28.01), a partir das 11h. O SporTV exibe ao vivo.

Duda completou a expressiva marca no primeiro duelo do dia, ao superar as holandesas Van Iersel e Stubbe por 2 sets a 0. Já na segunda rodada, nova vitória, mas decidida no tie-break contra Izabel e Renata. Aos 19 anos, a jogadora soma com os resultados de hoje 98 vitórias nos torneios nacionais e outras 103 em etapas internacionais.

“Eu nem sabia dessa estatística, fiquei muito feliz. Foi uma grande surpresa. Fico muito feliz por essa evolução. A Ágatha tem me ajudado muito neste processo de amadurecimento. A comissão técnica toda me acolheu. Espero evoluir ainda mais, conquistar mais títulos, fazer o nosso melhor a cada dia. Tem muitas duplas fortes no circuito, e o nosso trabalho não pode parar. Quero subir degraus ainda mais altos nos próximos anos”, disse Duda.

Outro time que conquistou duas vitórias nesta sexta-feira foi o formado pela cearense Taiana e pela alemã Julia Sude. A parceria de última hora aconteceu por conta da lesão de Elize Maia, mas a química entre jogadoras de países diferentes foi marcante. A defensora Taiana comemorou o bom começo jogando perto da família.

“Quando convidei a Julia para jogar, disse que iríamos jogar leves, sem pressão por um resultado, já que não formamos um time permanente. Seria impossível atuar ao lado dela em outra oportunidade, então focamos em curtir. Conseguimos sacar bem, as levantadas, que são a maior dificuldade em um novo time, ficaram rapidamente entrosadas. Está sendo uma experiência muito bacana. E jogar em casa é maravilhoso. Valorizo muito meus pais e amigos estarem aqui, me sinto realizada. Moro no Rio de Janeiro, estamos sempre viajando, então é a oportunidade que eles têm de acompanhar de perto, ótima emoção”.

Julia Sude, campeã do Major Series da Suíça de 2017, também elogiou a parceira e disse que o calor de mais de 34ºC na capital cearense não atrapalhou.

“Espero que Elize se recupere logo, fiquei triste pela lesão dela. Preciso agradecer a permissão por disputar a etapa do Circuito Brasileiro e também a Taiana pelo convite. Sempre assisti a Taiana atuando, especialmente em 2013, quando ela foi campeã do Circuito Mundial. Adoro o estilo dela, a maneira como ela toca em todas as bolas e defende tão bem. Tivemos uma química muito rápida e até difícil de explicar”, disse Sude, que completou.

É minha primeira semana treinando fora de um ambiente fechado, já que na Alemanha está fazendo 0ºC e até dias atrás estava esquiando. Então estou feliz por estar jogando com sol. Estou acostumada com o calor, jogamos etapas em vários países, o verão europeu em muitos lugares também é extremamente intenso, então não atrapalha. Basta estar bem preparada”.

Outros quatro times venceram dois jogos seguidos e terminaram o dia invictos, dois deles com atletas nascidas ou federadas no Ceará: Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Juliana/Andressa (CE/PB), Josi/Lili (SC/ES) e Maria Elisa/Carol Solberg (RJ).

Das 24 duplas que começaram o dia, oito foram eliminadas nesta sexta. São elas Rafaela/Fabíola (PA/DF), Índia/Alana (PA/RN), Flávia/Bárbara Ferreira (RJ), Luiza Amélia/Semírames (CE/SP), Ana Gallay/Camilinha (ARG/RJ), Aline/Diana (SC/RJ), Danielle/Verena (MS/CE) e Hegê/Talita (CE).

O Circuito Brasileiro é composto por sete etapas, três que foram realizadas em 2017 - Campo Grande (MS), Natal (RN) e Itapema (SC) - e mais quatro neste ano. Além de Fortaleza (CE), a competição passará por João Pessoa (PB), de 21 a 25 de fevereiro, Maceió (AL), de 14 a 18 de março, e Aracaju (SE), de 4 a 8 de abril. Ainda em abril ocorre também o Superpraia, que reúne os melhores times da temporada e será disputado de 25 a 29, em Brasília (DF).

A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são quase R$ 500 mil por etapa. A novidade nesta temporada fica por conta da volta do classificatório e do aumento de duplas, passando de 16 para 24 times na fase de grupos da competição.

OITAVAS DE FINAL - TORNEIO FEMININO
Maria Elisa/Carol Solberg (RJ) x Vitória/Juliana Simões (RJ/PR)
Izabel/Renata (PA/RJ) x Val/Ângela (RJ/DF)
Juliana/Andressa (CE/PB) x Amanda Maltez/Mayana (RJ/TO)
Julia Sude/Taiana (ALE/CE) x Naiana/Vivian (CE/PA)
Josi/Lili (SC/ES) x Van Iersel/Stubbe (HOL)
Ágatha/Duda (PR/SE) x Sandressa/Neide (AL)
Maria Clara/Carol Horta (RJ/CE) x Andrezza/Rachel (AM/RJ)
Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Tainá/Victoria (SE/MS)

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO DIA
http://2018.cbv.com.br/galeria/1989/fortaleza-ce---26.01.2018---circuito-brasileiro

VEJA OS RESULTADOS DO DIA 
http://www.aplicativoscbv.com.br/circuitobb/tabopen/tabelatodas.asp?site=29&sexo=F

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro