Ágatha e Duda conquistam etapa de João Pessoa pelo segundo ano seguido

Publicado em: 24/02/2018 15:53

Ágatha e Duda (PR/SE) mais uma vez conquistaram o título da etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia. A parceria venceu na tarde deste sábado (24.02) Tainá e Victoria (SE/MS) por 2 sets a 0 (21/15, 21/18) e assumiu a liderança da temporada 2017/2018. O bronze da etapa ficou com Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE). A próxima etapa ocorre em Maceió (AL), de 14 a 18 de março.

O ouro é o terceiro da parceria em etapas do Circuito Brasileiro – elas também somam um título do SuperPraia. A conquista em João Pessoa é uma repetição da etapa da temporada 2016/2017, quando elas disputaram o primeiro torneio juntas. Ágatha e Duda chegam aos 1.760 pontos e assumem a liderança do ranking geral. Carol Solberg e Maria Elisa, que nesta etapa ficaram na nona posição, somam 1.720 pontos.

Ágatha chega ao quinto título nacional em João Pessoa e empata com Shelda e Juliana, que eram as maiores vencedoras na capital paraibana até este sábado. A paranaense medalhista olímpica comentou o resultado positivo e o bom momento ao lado de Duda.

“Me sinto totalmente acolhida em João Pessoa, recebo um carinho muito grande e onde meu maior fã clube está. Por ser uma das atletas mais experientes atualmente, muitos aqui me acompanham há muitos anos. Viram meu crescimento. Fico feliz em igualar esse número de conquistas de duas jogadoras tão importantes para o vôlei de praia brasileiro”, disse.

Duda comentou a vitória sobre duas ‘irmãs’, como se refere às adversárias da final. A sergipana conquistou o campeonato mundial Sub-19 ao lado de Tainá, em 2013, e Victoria, em 2016. Cida Lisboa, mãe de Duda, é treinadora da dupla medalha de prata e a sul-mato-grossense inclusive morou junto da amiga em São Cristóvão (SE).

“Sempre será difícil, tenho que ter um controle mental, treinar o foco e a concentração. Minha mãe é treinadora do time delas e, mesmo não ficando no banco, está do outro lado. Moramos juntas, são grandes amigas. Fiquei feliz por elas chegarem à final pela primeira vez, mas a amizade fica fora de quadra e sempre vamos entrar buscando o ouro”.

O bronze de Ana Patrícia e Rebecca foi bastante comemorado, já que a dupla estabeleceu como meta sempre alcançar a disputa de medalha nas etapas. É o segundo pódio do time nesta temporada, uma vez que elas ficaram com a prata na etapa de Itapema (SC).

“É uma medalha muito importante, estamos trabalhando muito forte para nos firmarmos sempre nas semifinais do Circuito Brasileiro, queremos também ter boa presença no Circuito Mundial. Estar entre as três primeiras do torneio nacional mais forte do mundo mostra que estamos em um caminho correto, vamos seguir nos dedicando”.

O Jogo

A partida começou bastante equilibrada, com Victoria e Tainá mantendo a tranquilidade na primeira final de suas carreiras. Elas mantiveram a virada de bola e venciam por 11 a 10 na primeira parada técnica da partida. Um ace de Duda e um contra-ataque de Ágatha após bom rally deram a virada e vantagem para o time da medalhista olímpica: 14 a 12.

Aproveitando bem o vento e jogando mais confortáveis com a liderança do placar, Ágatha e Duda mantiveram a virada de bola sem erros. Duda ainda sofreu uma pancada em queda mais brusca, mas levou apenas alguns segundos se recuperando e voltou ao jogo. Em ataque na rede de Victoria, as campeãs do SuperPraia  conseguiram fechar o primeiro set por 21 a 15.

O segundo set começou com Duda acertando bons saques, anotando um ponto neste fundamento em erro de recepção de Victoria. Mas logo na sequência foi a vez da própria Victoria dar o troco com belo ace. Após algumas trocas de lado na liderança, Ágatha e Duda conseguiram abrir vantagem com contra-ataques e na parada técnica venciam por 12 a 9.

Em repetição do primeiro set, Ágatha/Duda erraram muito pouco na virada de bola, enquanto Tainá e Victoria não mantinham o mesmo aproveitamento em seus ataques, sem conseguirem reduzir a diferença para buscar uma virada. Victoria/Tainá ainda salvaram dois match points, mas na terceira tentativa, em ataque de Ágatha, a parceria fechou o segundo set por 21 a 18.

O Circuito Brasileiro é composto por sete etapas, três que foram realizadas em 2017 - Campo Grande (MS), Natal (RN) e Itapema (SC) - e mais quatro neste ano. Além de Fortaleza (CE) e agora João Pessoa (PB),o torneio irá a Maceió (AL), de 14 a 18 de março, e Aracaju (SE), de 4 a 8 de abril. Ainda em abril ocorre também o Superpraia, que reúne os melhores times da temporada e será disputado de 25 a 29, em Brasília (DF).

A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são quase R$ 500 mil por etapa. A novidade nesta temporada fica por conta da volta do classificatório e do aumento de duplas, passando de 16 para 24 times na fase de grupos da competição.

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO DIA
http://2018.cbv.com.br/galeria/2002/joao-pessoa-pb---24.02.2018---torneio-feminino

VEJA TODOS OS RESULTADOS DO DIA
http://www.aplicativoscbv.com.br/circuitobb/tabopen/tabelatodas.asp?site=30&sexo=F

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro