Evandro/André leva ouro em João Pessoa em revanche contra campeões olímpicos

Publicado em: 25/02/2018 13:07

Os campeões mundiais Evandro e André Stein conquistaram neste domingo (25.02) a quinta etapa do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 2017/2018. Em uma revanche contra os campeões olímpicos Alison e Bruno Schmidt (ES/DF), a dupla venceu por 2 sets a 0 (21/19, 21/18), em 50 minutos, aumentando vantagem no ranking geral da temporada.

A medalha de bronze ficou com Vitor Felipe, que jogava em casa, e Guto (RJ), com direito a pedido de casamento do paraibano à namorada Natália Taveira pós a partida. A torcida que lotou a arena na Praia de Cabo Branco foi ao delírio com a declaração de amor. A próxima etapa do Circuito Brasileiro acontece em Maceió (AL), de 14 a 18 de março.

É o terceiro título de Evandro e André Stein nesta temporada do tour nacional. Eles já haviam vencido em Campo Grande (MS) e Itapema (SC), e recebem 400 pontos no ranking geral pela primeira posição, além de um prêmio de R$ 45.050,50. Os campeões mundiais lideram com 1.800 pontos, seguidos por Vitor Felipe/Guto, que após o bronze chega aos 1.600 pontos.

“Esta é a primeira vez que conquisto a etapa de João Pessoa, é a única cidade a participar de todas as temporadas do Circuito Brasileiro, então foi importante vencer aqui. Estamos em um bom ritmo desde o final do ano passado, desde o Campeonato Mundial, e isso tem nos beneficiado. Esta final foi nossa revanche contra Alison e Bruno, e sabemos que temos sempre chances de enfrentá-los em qualquer competição. É sempre um jogo equilibrado e muito difícil, são referências e não podemos baixar nossa guarda. Estou feliz que hoje conseguimos fazer o nosso melhor e vencer", declarou André.

Um dos destaques da dupla foi o fundamento mais famoso de Evandro, o saque. A parceria anotou seis pontos desta forma na final, contra quatro dos adversários. O bloqueio também fez a diferença, criando contra-ataques, quando não pontos diretos. O carioca Evandro elogiou o alto nível do tour nacional e os adversários da final em João Pessoa.

“Mais uma final contra uma dupla fortíssima, campeã olímpica. Desta vez conseguimos apresentar um bom voleibol e quem ganha com isso é o Brasil. Pode acompanhar um duelo de alto nível e contar com times tão fortes representando nosso país. Acredito que nosso bloqueio foi muito importante. André me deu forças durante todo o torneio e nada melhor do que essa recompensa de chegar em uma decisão e conquistar o ouro. Estamos no caminho certo, vamos com tudo para a etapa do Circuito Mundial agora”.

Outro momento de destaque do domingo foi o pedido de casamento de Vitor Felipe à namorada Natália. O paraibano venceu a disputa de bronze por 2 sets a 0 (21/18, 21/17), em 47 minutos, contra Moisés e Ferramenta (BA/RJ). Após a partida, pegou o microfone e se declarou para a amada que estava nas arquibancadas.

“Tenho certeza que ela está muito feliz, faltou o ouro para ser tudo perfeito, mas estou muito contente por uma medalha em casa. Jogar aqui na Paraíba é incrível, fico emocionado. Sabemos que é importante nos mantermos no pódio, ter uma evolução constante. Fizemos uma partida consistente e a derrota na semifinal não nos abalou”, disse Vitor.

O Jogo

As equipes começaram o jogo forçando o saque e mantendo a virada de bola. Alison já deu logo uma prévia de seu fundamento mais conhecido, com um belo bloqueio sobre Evandro. Pouco depois, um ace de Bruno Schmidt já fez com que os campões olímpicos abrissem 6 a 2. Dificultando o passe adversário, Alison/Bruno se manteve melhor e na parada técnica vencia por 13 a 8.

A diferença chegou a ser de seis pontos para os campeões olímpicos, mas aos poucos Evandro conseguiu empatar e virar o placar em sua grande especialidade, com três aces seguidos: 17 a 16. A liderança na reta final da parcial fez o time dos campeões mundiais crescer. Outro ace de Evandro deu vantagem de três pontos: 19 a 16. Mantendo a virada de bola, a dupla fechou o set por 21 a 19 em largadinha habilidosa de André Stein.

O segundo set começou um pouco melhor para Evandro/André. Após erro de ataque de Alison, os campeões mundiais abriram 5 a 3. Aos poucos, porém, a dupla se recuperou e virou o placar em ace de Bruno e bloqueio de Alison, seguidos: 7 a 6. Na parada técnica da segunda parcial a vantagem era de Alison e Bruno Schmidt: 11 a 10.

Os bloqueios de Alison ‘Mamute’ fizeram estrago, mas André também engatou bom momento fechando os ataques e o duelo ficou equilibrado: 13 a 13. O ritmo intenso de saques em cima de Alison cobrou preço e o jogador acabou atacando para fora e sofrendo um bloqueio de Evandro: 18 a 15. Alison e Bruno salvaram um match point. No lance seguinte, porém, Evandro explorou o bloqueio de Alison e fechou o set por 21 a 18, e a partida por 2 sets a 0.

O Circuito Brasileiro é composto por sete etapas, três que foram realizadas em 2017 - Campo Grande (MS), Natal (RN) e Itapema (SC) - e mais quatro neste ano. Além de Fortaleza (CE) e agora João Pessoa (PB), a competição passa por Maceió (AL), de 14 a 18 de março, e Aracaju (SE), de 4 a 8 de abril. Ainda em abril ocorre também o SuperPraia, que reúne os melhores times da temporada e será disputado de 25 a 29, em Brasília (DF).

A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são quase R$ 500 mil por etapa. A novidade nesta temporada fica por conta da volta do classificatório e do aumento de duplas, passando de 16 para 24 times na fase de grupos da competição.

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO DIA
http://2018.cbv.com.br/galeria/2004/joao-pessoa-pb---25.02.2018---final-masculina

VEJA TODOS OS RESULTADOS DO DIA
http://www.aplicativoscbv.com.br/circuitobb/tabopen/tabelatodas.asp?site=30&sexo=m

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro