Ana Patrícia e Rebecca conquistam o título da etapa de Xiamen

Publicado em: 28/04/2019 09:10

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 28.04.2019

A dupla Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) conquistou neste domingo (28.04) o título da etapa quatro estrelas de Xiamen (China), pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Na decisão, superaram as tchecas Hermannova e Slukova por 2 sets a 0 (25/23, 26/24), em 42 minutos. A impressionante campanha das brasileiras, que saíram do classificatório, contou com sete vitórias em sete jogos e nenhum set perdido sequer.

A etapa foi a primeira a contar pontos para a corrida olímpica brasileira no naipe feminino. Com isso, Ana e Rebecca saem na frente na disputa contra os outros times do país, somando 800 pontos pela primeira colocação. A parceria já havia vencido nesta temporada a etapa quatro estrelas de Haia (Holanda) do Circuito Mundial, em janeiro, mas a competição não contava pontos para a corrida olímpica.

“Este título é muito especial para nós, porque é um ano muito importante pelos Jogos Olímpicos que estão por vir. Estamos muito contentes, gostamos de jogar na China, é um lugar especial para minha carreira, sempre consigo bons resultados aqui”, lembrou Ana Patrícia, que foi campeã dos Jogos Olímpicos da Juventude e Campeã Mundial Sub-21 em Nanquim.

O técnico da dupla, Reis Castro, também analisou o bom resultado, impressionante pelo número de sets jogados (14) e vencidos em Xiamen, e disse que o time jogo a jogo.

“O que estamos vivendo hoje é construído em nossa, casa, em nosso centro de treinamento lá em Fortaleza (CE). O trabalho é muito forte, elas, assim como toda a comissão técnica, estão se dedicando bastante. Aqui no Circuito Mundial nós apenas colocamos em prática o que fazemos lá nos treinamentos, pensando ponto a ponto, sem ficar projetando o futuro, tentando conquistar nosso espaço. A questão da corrida olímpica não está passando pela nossa cabeça. Elas são um time jovem, com muita coisa para aprender e evoluir. Temos que ter humildade de saber que ainda estamos buscando nosso lugar”, disse.

O bronze da etapa de Xiamen ficou com as australianas Taliqua Clancy e Artacho Del Solar, que superaram as norte-americanas Sara Hughes e Summer Ross por 2 sets a 0, completando o pódio.

A medalha de ouro também rende para Ana Patrícia e Rebecca um prêmio de cerca de R$ 80 mil e 800 pontos no ranking da temporada 2019 do Circuito Mundial. É o terceiro ouro da dupla no tour internacional – além da etapa da Holanda, neste ano, elas também haviam vencido a etapa três estrelas em Qinzhou (China) em 2018.

As demais duplas brasileiras em Xiamen tiveram os seguintes resultados: Talita/Taiana (AL/CE) ficou em quinto lugar, somando 480 pontos na corrida olímpica; Ágatha/Duda (PR/SE) ficou em nono lugar, somando 400 pontos; Carol Solberg/Maria Elisa anotou 320 pontos pela 17ª posição (repescagem); e Fernanda Berti/Bárbara ficou em 25° (fase de grupos), anotando 240.

A próxima etapa do Circuito Mundial 2019 que contará pontos para a corrida olímpica será no Brasil, em Itapema (SC), de 15 a 19 de maio. Antes, porém, algumas duplas brasileiras do naipe masculino disputam o torneio três estrelas em Kuala Lumpur (Malásia), nesta próxima semana, do dia 30 de abril ao dia 4 de maio.

Na corrida olímpica do Brasil, apenas os eventos de quatro e cinco estrelas do Circuito Mundial, além do Campeonato Mundial, são contabilizados para o ranking, cada um com peso correspondente. Além disso, os times terão uma média dos 10 melhores resultados obtidos, podendo descartar as piores participações no tour. Só valem os pontos obtidos juntos, como dupla.

A corrida olímpica interna das duplas brasileiras acontece em paralelo à disputa da vaga do país, que segue as regras da Federação Internacional de Voleibol (FIVB). Cada nação pode ser representada por, no máximo, duas duplas em cada naipe.

Os países possuem quatro maneiras de garantir a vaga: vencendo o Campeonato Mundial 2019; sendo finalistas do Classificatório Olímpico, que será disputado na China, também em 2019; estando entre as 15 melhores duplas do ranking olímpico internacional; vencendo uma das edições da Continental Cup (América do Norte, América do Sul, África, Ásia e Europa). O Japão, sede, tem uma dupla em cada naipe já garantida.

VEJA FOTOS E OS RESULTADOS DO DIA
http://worldtour.2019.fivb.com/en/700/schedule

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro