Jaboatão dos Guararapes (PE) recebe segunda etapa da temporada

Publicado em: 03/06/2019 15:01

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 03.06.2019

A cidade de Jaboatão dos Guararapes (PE) recebe a partir desta terça-feira (04.06) a segunda etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-19, torneio de base responsável por revelar diversos atletas da modalidade. A competição também será um aquecimento para a disputa do Circuito Brasileiro Challenger, competição adulta que contará com atletas olímpicos, que ocorre no mesmo local, a partir de sexta-feira (07.06).

A parada em Jaboatão (PE) será a segunda de três etapas do Circuito Brasileiro Sub-19. A primeira aconteceu em Fortaleza (CE), no início de fevereiro, com títulos para Maria Clara/Anna Beatriz, representando o Rio de Janeiro, e Thiego/Pablo, representando a Paraíba. Eles lideram o ranking geral com 200 pontos. A terceira e última parada do torneio Sub-19 acontece em Cabo Frio (RJ), no início de julho.

A competição conta com quatro grupos de quatro times, formados da seguinte forma: 11 primeiras duplas do ranking de entradas, uma dupla do estado-sede e quatro duplas que garantiram vaga vencendo o classificatório.

No naipe masculino, já estão classificados para a fase de grupos pelo ranking de entradas Pablo/Thiego (PB), Lucas/João Pedro (RJ), Carlos Eduardo/Tony (MS), Alex/Luis (MG), Denilson/Jefferson (PE), Diego/Pablo (CE), João Vitor/Divino (DF), Samuel/Euller (SC), Patrick/Mumuzinho (PR), Gabriel/Gabriel (TO), Wudney/Allan (SE) e Bruno/Gabriel (SP).

No naipe feminino, as duplas garantidas são Karol/Ágatha (SE), Helena/Lari (SC), Anna Beatriz/Sophia (RJ), Vitória/Larissa (CE), Helena/Beatriz (BA), Thainara/Cecilia (RN), Pamella/Giovana (PB), Maria/Emanuely (MG), Maria/Camila (PE), Giovana/May (PR), Renata/Ste (MS) e Isabella/Luana (SP).

Os primeiros colocados de cada grupo vão direto às quartas de final, enquanto segundos e terceiros disputam uma fase anterior, de repescagem. As duplas que ficam em quarto lugar no grupo estão eliminadas na primeira fase. Os vencedores das quartas de final vão às semifinais, e o torneio segue em formato eliminatório simples até as disputas de medalha.

A competição acontece ao longo de três dias, com jogos simultâneos nos naipes masculino e feminino. O primeiro dia (terça-feira) é reservado para o classificatório, onde até 32 times disputam as últimas quatro vagas à fase de grupos. No segundo dia (quarta-feira), acontecem as partidas da fase de grupos, repescagem e quartas de final, enquanto no terceiro (quinta-feira) são disputadas partidas das semifinais e disputas de medalha.

Assim como ocorre no Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-17 e Sub-21, o Sub-19 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas representando a mesma federação. Cada estado indica suas delegações nos dois gêneros em busca do título, podendo alterar os times durante a temporada. Se mais de uma dupla do estado disputa a etapa, aquela que fica mais bem colocada é a que pontua para o ranking geral da competição.

Rio de Janeiro, no naipe feminino, e a Paraíba, no naipe masculino, foram os campeões da temporada 2018. A competição revelou diversos atletas que foram campeões e posteriormente se tornariam olímpicos como Pedro Solberg (RJ) e Bárbara Seixas (RJ).

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro