Brasil avança com três duplas para as oitavas do naipe feminino

Publicado em: 03/07/2019 16:42

A primeira rodada eliminatória do naipe feminino do Campeonato Mundial de vôlei de praia 2019 aconteceu nesta quarta-feira (03.07), e o Brasil segue com três duplas na disputa pelo título. Em Hamburgo (ALE), Ágatha/Duda (PR/SE), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) venceram os respectivos confrontos e se classificaram para as oitavas de final da competição. Maria Elisa e Carol Solberg (RJ) acabaram superadas e se despediram do torneio.

No primeiro jogo com participação brasileira do dia Fernanda Berti e Bárbara Seixas passaram pela dupla austríaca Schützenhöfer/Plesiutschnig por 2 sets a 0 (21/16 e 21/16). Nas oitavas elas enfrentarão as alemãs Borger/Sude nesta quinta-feira (04.07).

“Nós trabalhamos bem em quadra, a Fernanda me ajudou muito. Conseguimos colocar em quadra o que combinamos, nossa tática funcionou. Estamos muito felizes com o resultado. Vamos continuar com nosso foco, e se preparar bem para o próximo confronto, pois todo jogo é uma decisão”, comentou Bárbara.

Ana Patrícia e Rebecca, que ficaram em primeiro no grupo D, enfrentaram Xue e Wang, da China. As brasileiras venceram as chinesas com tranquilidade por 2 sets a 0 (21/11 e 21/13). O saque (sete pontos) e o bloqueio (quatro pontos) fizeram a diferença no duelo. Na próxima fase as adversárias serão Betchart e Hüberli, da Suíça.

“Hoje fez um pouco mais frio que nos dias anteriores, então demos uma atenção especial ao aquecimento. Nós já conhecíamos um pouco o jogo delas, e isso deu uma vantagem. Conseguimos imprimir nosso saque, nossa parceria funcionou. Estou muito feliz com essa vaga nas oitavas. Temos uma dupla difícil pela frente na próxima rodada, mas a competição é assim mesmo, não há partida fácil daqui para frente”, disse Rebecca.

A terceira dupla do Brasil a garantir um lugar nas oitavas foi Ágatha e Duda, que eliminaram a tricampeã olímpica Kerri Walsh e a parceira Brooke Sweat, com a vitória por 2 sets a 0 (21/18 e 21/16). Com 34 pontos de ataque, a regularidade da virada de bola das brasileiras foi a chave para o triunfo. Nas oitavas as duas encaram Kholomina/Makroguzova, da Rússia.

“Foi nosso primeiro jogo eliminatório aqui, e logo contra uma dupla muito forte. Falei com a Duda antes que tínhamos que fazer o nosso trabalho, pois sabíamos que poderia ser um duelo muito difícil. Conseguimos ser constantes na virada de bola, e isso foi fundamental para conseguirmos o resultado. Acredito que ainda temos o que evoluir até o final da competição”, avaliou Ágatha.

Maria Elisa e Carol Solberg se despediram da competição depois de serem superadas por Alix Klinemann e April Ross (EUA) por 2 sets a 1 (15/21, 21/13 e 11/15).

Somando os naipes masculino e feminino, o Brasil soma 12 medalhas de ouro, nove de prata e dez de bronze nas 11 edições realizadas. Brasil contra Estados Unidos foi a final mais repetida na história, tendo acontecido em sete oportunidades. O Campeonato Mundial é o principal torneio da temporada, com uma premiação total de 1 milhão de dólares (500 mil para cada naipe) e a maior pontuação ao ranking da temporada.

FASE ELIMINATÓRIA DO TORNEIO FEMININO:

OITAVAS DE FINAL
Ágatha/Duda x Kholomina/Makroguzova (RUS) – 9h
Ana Patrícia/Rebecca x Betchart/Hüberli (SUI) – 13h
Fernanda Berti/Bárbara x Borger/Sude (ALE) -15h30

RESULTADOS DO DIA NO FEMININO:
Fernanda Berti/Bárbara Seixas 2 X 0 Schützenhöfer/Plesiutschnig (AUT) – 21/16, 21/16
Carol Solberg/Maria Elisa 1 X 2 Klinemann/Ross (EUA) - 15/21, 21/13, 11/15

Ana Patrícia/Rebecca 2x0 Xue/Wang (CHN) – 21/16 e 21/16

Ágatha/Duda 2x0 Walsh/Sweat (EUA) – 21/18 e 21/16

VEJA AS FOTOS E OS RESULTADOS DO DIA
http://hamburg2019.fivb.com/en/schedule#/d20190703

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro