Grupos são definidos após classificatório em Manaus (AM)

Publicado em: 04/10/2019 15:09

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 04.10.2019

Os grupos da quarta etapa do Circuito Brasileiro Sub-21 de vôlei de praia 2019 foram definidos nesta sexta-feira (04.10), em Manaus (AM), na arena montada na Praia da Ponta Negra. A maioria dos times avançou por bye, com apenas uma partida sendo realizada, no naipe masculino. A fase de grupos começa neste sábado (05.10), com 16 times nos naipes masculino e feminino sendo divididos em quatro grupos de quatro.

O classificatório masculino contou com apenas um duelo, a vitória de Johann/Lipe (RJ) sobre Eduardo/Thiago (AM) por 2 sets a 0 (21/14, 21/15), em 33 minutos. Já Guilherme/Hudson (AM) avançaram ao superarem Fabrício/Luiz (MS) por W.O. Os outros times que conseguiram a vaga por bye (sem adversário) foram Lucas/Wesley (AM) e Thiago/Lucas (AM) e Gabriel/Gustavo (RJ).

Já estavam garantidos pelo ranking de entradas da etapa os times Afonso/Giovane (AL), Mateus/Diego (AM), Gustavo/João Victor (ES), Alex/Juan (MG), Gui/Gustavo (MS), Renato/Rafael (PB), Eduardo/Gabriel (PR), Lucas/João Pedro (RJ), Joshua/Felipe (SC), Matheus/André Danilo (SE) e Gabriel/Kirsthenn (SP).

No naipe feminino, com 16 times inscritos, não foi realizada nenhuma partida do classificatório, com as cinco duplas avançando por bye: Laura/Ana Beatriz (RJ), Maria Clara/Vitoria (RJ), Lia/Victoria (AM), Larissa/Nicolly (AM) e Edvania/Gabryele (AM).

No torneio masculino, dois estados estão empatados na classificação geral, após a disputa de três etapas. Paraíba e Sergipe somam 520 pontos. O Paraná aparece na sequência, em terceiro, com 500 pontos. No feminino, o Mato Grosso do Sul precisa apenas entrar em quadra para garantir a pontuação que rende o título geral. O estado da região Centro-Oeste soma 600 pontos nas três etapas, disputadas, contra 480 do Rio de Janeiro.

Assim como ocorre no Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-17 e Sub-19, o Sub-21 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas representando a mesma federação. Cada estado indica suas delegações nos dois gêneros em busca do título, podendo alterar os times durante a temporada, mas sempre formando duplas do mesmo estado.

A competição de base do vôlei de praia brasileiro revelou diversos atletas que foram campeões e posteriormente se tornariam olímpicos como Bruno Schmidt (DF), Pedro Solberg (RJ), Bárbara Seixas (RJ), Juliana (CE) e Maria Elisa (RJ).

VEJA OS GRUPOS DO NAIPE MASCULINO
http://www.aplicativoscbv.com.br/sub21/tabopen/tabelatodas.asp?site=19&sexo=m

VEJA OS GRUPOS DO NAIPE FEMININO
http://www.aplicativoscbv.com.br/sub21/tabopen/tabelatodas.asp?site=19&sexo=F

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro