Fase eliminatória definida e primeira vitória de Paula Pequeno marcam a sexta

Publicado em: 16/10/2020 21:03

A arena montada dentro do Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ), foi palco do primeiro dia do torneio principal feminino pela segunda etapa da temporada 20/21 do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia Open. Ao longo desta sexta-feira (16.10), 20 partidas movimentaram a competição. Com os resultados da rodada, quatro duplas conseguiram a classificação direta às quartas de final: Ágatha/Duda (PR/SE), Talita/Carol Solberg (AL/RJ), Juliana/Josi (CE/SC) e Tainá/Victoria (SE/MS).

A competição, que é realizada seguindo todos os protocolos de segurança sanitária, não conta com público presente, mas todas as partidas são transmitidas pelo Canal Vôlei de Praia TV e pela página da Confederação Brasileira de Voleibol no Facebook. Neste sábado, além da repescagem e quartas de final, também ocorrem as partidas das semifinais, que serão transmitidas ao vivo exclusivamente pelo SporTV.

Os quatro melhores primeiros colocados avançaram direto às quartas de final. Entre eles a dupla brasileira classificada aos Jogos de Tóquio, Ágatha e Duda (PR/SE). Elas estrearam com triunfo sobre Lucília/Alana (SP/RN) por 2 sets a 0 – duplo 21/11. Na rodada seguinte elas superaram Erica Freitas/Thati (MG/PB) por 2 sets a 0 (21/13 e 21/10). Para Duda, o período de um mês entre a primeira e a segunda etapa foi importante para a evolução em quadra.

“Depois da primeira etapa, tivemos um mês inteiro para nos prepararmos. Pudemos ajustar aquilo que achamos que poderíamos melhorar, focar no ritmo de jogo, aumentamos a intensidade da parte física. Agora a gente já tem a rotina pronta de preparação para competir a cada mês, sem incertezas, com metas e objetivos, do jeito que estamos acostumadas. Podemos nos concentrar melhor no nosso jogo e assim o desempenho melhora também, nossa confiança estava muito alta”, contou Duda.

Outro time que largou bem foi o formado por Tainá e Victoria, vice-campeãs brasileiras na temporada passada. Elas acabaram eliminadas na repescagem na primeira etapa, mas trabalharam para deixar o tropeço no passado, conseguindo uma das vagas às quartas, como contou a sul-mato-grossense Victoria.

“Nós estamos muito felizes, pois na primeira etapa não fomos bem. Não joguei bem durante a repescagem e fomos eliminadas precocemente, esperávamos mais. Voltamos para casa e focamos em treinar o que erramos, especialmente o passe, que foi um fundamento que errei demais. Trabalhamos forte e estamos muito contentes com essa classificação às quartas de final. O ritmo de jogo também melhorou, sabemos que ele volta conforme você compete, a ansiedade foi menor agora nesta segunda etapa, viemos mais tranquilas e focadas”, disse.

Vitória da “novata” Paula Pequeno

Outro destaque do dia foi a primeira vitória de Paula Pequeno no vôlei de praia. Ao lado de Taiana ela venceu Andressa/Vitoria (PB/RJ) por 2 sets a 1 (21/14, 9/21 e 15/12). No segundo jogo do dia, acabaram superadas por Talita/Carol Solberg (AL/RJ) por 2 sets a 0 (21/13, 21/16), mas conseguiram avançar para a repescagem (veja todos os duelos abaixo).

A bicampeã olímpica com a seleção feminina do Brasil migrou para as areias há um ano, mas estreou em competições oficiais em março de 2020, na Etapa de Aracaju (SE), ainda ao lado da ex-parceira de seleção Mari. Este foi o terceiro evento da atleta no novo piso, e segundo da parceria com a cearense Taiana. Ao final do jogo, Paula se emocionou com o triunfo.

“Estou muito eufórica, feliz de verdade. Chego a ficar emocionada com essa primeira vitória. Ganhar é algo muito bom, aprendi na carreira que perder faz parte, mas vencer é muito bom. Agradeço a confiança que a Taiana depositou em mim, de me dar a chance de compartilhar a experiência dela comigo. Conseguimos uma vitória contra um time mais jovem e colocamos em prática o que treinamos. Vamos agora em busca de muito mais, tenho muita areia para comer ainda”, disse Paula tentando conter o choro.

Entre as 20 equipes que começaram o dia na disputa, oito ficaram com desempenho insuficiente , e se despediram da competição: Izabel/Teresa (PA/CE), Lucilia/Alana (SP/RN), Andrezza/Neide (AM/AL), Tory/Ana Luiza (CE/SC), Val/Aline (RJ/SC), Bárbara Seixas/Carol Horta (RJ/CE), Rafaela/Jéssica (PA) e Sandressa/Fabrine (AL/BA) .

Cada etapa do Circuito Brasileiro distribui R$ 47 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos aproximadamente de R$ 538 mil por etapa.

Após a disputa do torneio feminino nesta semana, o torneio masculino será disputado na semana seguinte, entre os dias 22 e 25 de outubro. As etapas foram divididas em semanas diferentes para reduzir a circulação de pessoas dentro do Centro de Desenvolvimento de Voleibol, aumentando a segurança nos protocolos de prevenção ao Coronavírus. 

CONFRONTOS DA REPESCAGEM

Jogo 21 - Juliana Simões/Cacá Richa (PR/RJ) x Elize Maia/Thâmela (ES) – 9h

Jogo 22 - Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Hegê/Ângela (CE/DF) – 9h

Jogo 23 - Solange/Verena (DF/CE) x Taiana/Paula Pequeno (CE/SP) – 10h

Jogo 24 - Andressa/Vitória (PB/RJ) x Erica Freitas/Thati (MG/PB) – 10h

CONFRONTOS DE QUARTAS DE FINAL

Ágatha/Duda (PR/SE) x Vencedor Jogo 21 – 13h

Talita/Carol Solberg (AL/RJ) x Vencedor Jogo 22 – 13h

Josi/Juliana (SC/CE) x Vencedor Jogo 23 – 14h

Tainá/Victoria (SE/MS) x Vencedor Jogo 24 – 14h

TABELA DE JOGOS

GALERIA DE FOTOS

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro