Brasil começa com cinco vitórias, e Thâmela/Vitória vai à semifinal

Publicado em: 01 DE JUNHO

Brasil começa com cinco vitórias, e Thâmela/Vitória vai à semifinal
Vitória e Thâmela avançaram diretamente para a semifinal (Créditos: Divulgação/CSV)

 

Com dois triunfos, dupla feminina faz segunda melhor campanha e avança diretamente à semi; Mateus Dultra e Johann ganham três partidas no masculino

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 01.06.2021

O Brasil começou muito bem a primeira etapa das eliminatórias dos Jogos Pan-Americanos sub-23, em Assunção, no Paraguai. Foram cinco vitórias em cinco jogos nesta terça-feira (01.06) para Mateus Dultra/Johann e Thâmela/Vitória, e a dupla feminina já garantiu vaga na semifinal do torneio.

Thâmela e Vitória abriram o dia com uma vitória por 2 sets a 0 (21/15 e 21/11) contra as paraguaias Poletti e Janina. Na segunda rodada do grupo, novo triunfo por 2 a 0 (21/7 e 21/8) sobre Vargas/Paez, do Uruguai.

“Nosso primeiro dia foi muito bom, a gente jogou muito bem, conseguiu se entrosar muito rápido. A gente está muito contente com esse nosso primeiro dia, com nosso jogo de hoje. A gente pretende colocá-lo em prática de novo, e a expectativa está muito boa. A gente já se conhece, mas está bem mais entrosada, então a expectativa é lá em cima, e que a gente consiga fazer amanhã a mesma coisa que a gente fez hoje”, afirmou Vitória.

Com o torneio feminino disputado com três grupos de três duplas, as brasileiras garantiram a segunda melhor campanha da fase de grupos e avançaram diretamente para as semifinais. Elas aguardam agora as vencedoras do confronto entre Churin/Victoria (ARG) e Mori/Fabiana (CHI).

Mateus Dultra e Johann tiveram um dia longo nesta terça. Com a competição masculina disputada no sistema todos contra todos, com os quatro primeiros colocados avançando às semifinais, os brasileiros jogaram três partidas. Primeiro, ganharam de Leon/Jurado (EQU) por 2 sets a 0 (22/20 e 21/16). Na sequência, vitória de virada sobre Capogrosso/Amieva (ARG): 19/21, 21/19 e 15/11. Para fechar o dia, novo triunfo no tie-break, contra Gonzalo/Ale (PAR), parciais de 16/21, 21/13 e 15/12.

“O dia foi ótimo, a gente conseguiu superar as dificuldades. Nos momentos que eu precisei, o Mateus conseguiu me ajudar muito bem. No último jogo, quando ele precisou, consegui me impor no jogo e ajudar ele. Apesar do pouco tempo que a gente tem jogando junto, nosso entrosamento já está muito bom. Agora é focar nos jogos de amanhã para acabar essa primeira fase do campeonato com 100% de aproveitamento e chegar voando na semifinal e final”, disse Johann.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais